Descubra como economizar em uma festa de casamento

Casa & Família DESTAQUES POSTS

Hoje em dia, planejar um casamento com o mínimo de orçamento já é uma realidade para muitos casais. Mas acredite, é possível realizar um casamento bonito e barato sem precisar abrir mão dos detalhes mais importantes. 

Pensando nisso, nossa colaboradora Desiane, que se casou recentemente, escreveu um relato pessoal no qual ela dá dicas de como economizar na festa de casamento. Confira!

Planejar um casamento com o mínimo de orçamento já é uma realidade para muitos casais. Afinal, a maioria das pessoas tem outras metas para a vida a dois, além de fazer uma festa. Entre elas, comprar o imóvel próprio, trocar de carro ou fazer uma viagem de lua de mel.

Mas acredite: é possível realizar um casamento bonito e barato sem precisar abrir mão dos detalhes mais importantes. Pensando nisso, nossa colaboradora Desiane, que se casou recentemente, escreveu um relato pessoal, no qual ela dá dicas de como economizar em um casamento.

Ficou interessado? Então, continue com a leitura!

Não exagere no número de convidados

Nem sempre a lista de convidados dos sonhos cabe no orçamento. Por isso, mantenha-se firme e liste a família, os amigos mais importantes e os colegas de trabalho mais próximos. Após, divida os nomes entre as pessoas essenciais e aquelas que podem deixar de ser convidadas, em caso de aperto.

Apesar disso, deixe uma “gordurinha”, já que cerca de 20% dos convidados não comparecem. Utilize sua lista final para determinar o tamanho da festa e os serviços que serão contratados. Assim, será possível construir uma estimativa de custos.

Dê prioridade ao que você se lembrará no futuro

Fazer um casamento para celebrar a história do casal com as pessoas mais próximas é mais barato do que organizar um grande evento social. Porém, para não perder o foco, é preciso definir quais são as prioridades em relação à festa.

Gaste menos com superficialidades (aquelas coisas de que você, provavelmente, não se lembrará no futuro) e invista mais no que deixará lembranças marcantes. Seguindo essa lógica, economizar nas fotos, por exemplo, pode não ser a melhor decisão.

“Foi por isso que eu decidi contratar um bom pacote de fotografia e filmagem (fotos e filmagem da cerimônia, recepção, festa e fotos externas).”

Caso a festa aconteça em espaços alugados, verifique os horários de duração da mesma. Quanto maior o tempo, maior será o valor do aluguel. Logo, estipule o horário de início e de término do casamento.

Preste atenção, também, para começar as festividades pontualmente. Desse modo, evitará pagar hora extra pela locação do espaço. Defina somente um lugar para a cerimônia e a festa, assim você paga pela decoração de um único espaço, em vez de ter que pagar para decorar tanto a igreja quanto o salão.

Segure os gastos com decoração, buffet e bebida

Os itens que mais pesam no orçamento da festa de casamento costumam ser decoração, buffet e bebida. Mas há algumas dicas para poupar dinheiro servindo bem os convidados, mesmo com corte nos gastos.

Decoração

“Meu casamento foi realizado em um sítio e a decoração já estava inclusa (com desconto) no pacote. Mesmo assim, coloquei a mão na massa: comprei alguns itens de decoração, como garrafinhas e flores, e fiz os arranjos de centro de mesa e alguns outros mimos.”

Buffet

Quanto à comida, a opção de Desiane foi por contratar um buffet. Como em Belo Horizonte (MG) há a tradicional Comida de Buteco, a escolha foi servi-la, uma vez que além de mais barata que outras opções tidas como mais elegantes, é igualmente (senão mais) deliciosa.

Doces

Descarte a contratação de doces muito elaborados. Dê preferência para os bons e tradicionais brigadeiros, beijinhos e bem casados. Da mesma forma, escolha salgadinhos como coxinhas, pastéis e mini-hambúrgueres, pois eles estão em alta.

Garçons

Evite economizar diminuindo a quantidade de garçons. Com uma equipe reduzida, você vai fazê-los trabalhar muito além de suas habilidades (o que afetará seu desempenho) e seus convidados não serão bem servidos.

Bebidas

“Em relação às bebidas, decidi que eu mesma as compraria (em vez de comprar pelo buffet) já que, desse modo, pude negociar o pagamento das opções alcoólicas por consignação.”

Assim, Desiane pagou com antecedência uma metade e reservou a outra, acertando, ao final, apenas o que foi consumido.

Coquetéis

“Optei por contratar coquetéis alcoólicos e não alcoólicos para servir, economizando, assim, na quantidade de cerveja.”

Repense a animação da festa

Quanto à animação da festa, Desiane recomenda a contratação dos serviços de um DJ, já que os custos são menores, se comparados aos de uma banda.

“Porém, para o meu casamento, consegui ter tanto o DJ quanto a banda já que um de meus amigos é músico e se disponibilizou para tornar esse momento ainda mais especial.”

Logo, antes de desistir do sonho da banda, procure entre seus contatos de amigos e conhecidos que possam fazer uma apresentação gratuita ou oferecer bons descontos.

Considere a contratação de cerimonialista para sua festa de casamento

Contratar assessorias profissionais para se encarregar da organização do casamento pode ajudar a baratear a festa. Bons profissionais mantêm relacionamentos com fornecedores e têm mais experiência em pechinchar descontos, ajudando os noivos a não gastar mais do que podem.

Faça um planejamento financeiro

Ninguém decide se casar da noite para o dia. Certamente, já faz algum tempo que você e o seu cônjuge estão planejando ter uma vida a dois, não é mesmo?

Essa dica pode parecer um tanto batida mas, por incrível que pareça, ainda há pessoas que planejam um casamento sem antes ter guardado dinheiro e, por isso, acabam se endividando. Existem lojas que oferecem descontos para pagamentos à vista, ou seja, quanto mais contas você pagar de uma só vez, maior será a quantia que você vai conseguir economizar.

Não se preocupe se você e o seu parceiro ainda não fizeram um planejamento financeiro e, por isso, não têm uma reserva. Nunca é tarde para começar a economizar. Algumas dicas podem ajudar você a economizar e a juntar dinheiro para a sua festa de casamento.

Quite as suas dívidas

Pague tudo o que você está devendo antes de pensar em fazer contas novas. Uma festa de casamento sempre gera muitos gastos. Portanto, se você não resolver a sua vida financeira antes de planejar o seu casamento, as suas dívidas vão se acumular e se transformar em uma gigantesca bola de neve.

A dica para quem tem muitas contas a pagar e não sabe por qual começar é dar prioridade para aquelas com juros altos, como os boletos de cartão de crédito. Quite o máximo de contas que você conseguir e tente negociar tudo o que você não puder pagar. Os credores costumam ser flexíveis, então, não tenha vergonha de negociar a sua dívida.

Evite fazer compras parceladas

O uso desenfreado do cartão de crédito é o maior causador da inadimplência. Ao fazer muitas contas parceladas, nós acabamos perdendo o controle do quanto estamos gastando por mês, porque as parcelas fazem as dívidas parecerem menores.

Outro grande problema das contas parceladas, e que nós já citamos no tópico anterior, são os juros altos. Tente pagar a maioria das suas contas à vista e, quando for preciso usar o cartão, evite as parcelas longas.

Anote todas as suas despesas

A fórmula para não se endividar é muito simples: não gaste mais do que você ganha. No entanto, é comum que, ao longo do mês, as pessoas percam o controle de suas despesas. Se você já olhou o seu boleto e pensou “eu não me lembrava dessa conta”, então você precisa começar a anotar as suas despesas o quanto antes.

Reserve um caderno apenas para anotar todas as suas despesas. Quanto mais detalhista você for, mais controle terá sobre o seu dinheiro. Ao colocar as suas contas no papel, você poderá avaliar melhor quais gastos estão prejudicando o seu orçamento e o que pode fazer para economizar.

Saia da poupança

Quando o assunto é guardar dinheiro, a maioria das pessoas logo pensa em abrir uma poupança. No entanto, essa não é a opção mais rentável.

Em vez disso, você pode fazer uma previdência privada. É você quem escolhe o tempo de contribuição da sua previdência e o valor. Quanto maior o período de contratação, mais o dinheiro rende.

Depois de todas essas dicas, tenho certeza de que agora você já sabe como economizar em um casamento. Cortar gastos pode ser uma tarefa difícil, mas, no fim, você vai perceber como valeu a pena ter economizado cada centavo.

Se você gostou dessas dicas para economizar na festa de casamento, talvez se interesse pelos textos “Combo Família” que separamos abaixo para você. Confira!

Siga a Classic no Instagram!